quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Promessa para 2016

Olá pessoas que leem este blog. Já faz muito tempo que não possuo uma frequência de postagens neste blog. Minha promessa para este ano, é que isto mude. Vou tentar escrever mais aqui para vocês queridos leitores. Olhando as estatísticas deste blog, vejo que ele continua sendo lido bastante, mesmo sem eu postar nada, tenho uma média de 200 visualizações por mês. Vocês podem achar que é pouca, mas visto que eu não o divulgo mais, e nem postava nada, eu acho até bastante.
Vou tentar postar semanalmente algo aqui, algum pensamento meu, algo que está acontecendo na minha vida, etc.
Bom, por enquanto é isso.
Abraços e fiquem na paz de Deus.
Pastor Diego Elias Neumann.

segunda-feira, 16 de março de 2015

O que falta em minha vida? "Lebenslangerschicksalsschatz"

Pra mim a melhor cena de How I Met Your Mother (8x01)



“- Existe uma palavra em alemão: Lebenslangerschicksalsschatz. E a mais próxima tradução seria 'O tesouro do destino ao longo da vida.' E Victoria é 'wunderbar', mas ela não é minha Lebenslangerschicksalsschatz. Ela é minha Beinaheleidenschaftsgegenstand, sabe? Isso significa ‘Aquilo que é quase aquilo que você quer, mas não completamente.’ E é isso que Victoria é pra mim.

- Mas como sabe que ela não é Lebenslangerschicksalsschatz? Talvez com o passar dos anos ela se torne mais Lebenslangerschicksalsschatz.

- Não, não, não. Lebenslangerschicksalsschatz não é algo que se desenvolve ao longo do tempo, é algo que acontece instantaneamente. Atravessa você como água de um rio depois da tempestade, preenchendo e esvaziando você ao mesmo tempo. Você sente isso em todo o seu corpo. Nas suas mãos. No seu coração. No seu estômago. Na sua pele. Já se sentiu assim com alguém?

- Acho que sim.

- Se tem que pensar a respeito é porque não sentiu. 

- E tem absoluta certeza que encontrará isso um dia?

- É claro. Eventualmente todo mundo encontrará. Só que nunca saberá onde ou quando.”

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Adeus Ano Velho - 2014.

Cara... esse ano foi em certos aspectos um ano muito bom pra mim.

No quesito vida pastoral, cada ano eu aprendo mais e acabo percebendo que eu sou literalmente "um bosta". Ainda bem que Deus é o meu Senhor, meu Salvador. E que pra minha salvação eu não posso fazer nada. Porque senão eu tava ferrado. :P Mas a vida de pastor é muito boa. Tenho o maior privilégio de estar em contato com a palavra de Deus constantemente e ainda posso levar a mensagem das boas-novas para as pessoas e isso é MUITO, mas MUUUITO BOM. Claro que as vezes não é fácil, mas Deus está no comando e tudo o que acontece eu sei que é para o meu bem.

Tive certas decepções amorosas e tal, mas acho que isso é normal. Digamos que nessa parte, eu achei o ano EXCELENTE. Porque? Porque em anos anteriores eu sofri muito com paixonites agudas e tal. E esse ano eu fiquei bem sussa, só na minha. Esperando a "THE MOTHER" aparecer na estação... e ela vir em minha direção com seu guarda-chuva amarelo, segurando seu baixo e tal. Eu continuo acreditando no AMOR, mas tá cada vez mais difícil. Cansei de me apaixonar e não dar em nada, por isso acho que não vai ser nada fácil eu achar alguém. MAS como eu disse antes, eu sei que Deus está no comando de tudo e se Ele achar que é o melhor pra mim, pode ser que chova na minha horta em 2015.

Nunca li tantos livros como nesse ano. No total foram 26. Em destaque: Maze Runner, Jogos Vorazes, Percy Jackson (só li o primeiro, O ladrão de Raios, mas acho que todos da série devem ser bons), a Menina que Roubava Livro e o Menino do Pijama Listrado....

No quesito séries, me decepcionei com a continuação de algumas séries. Mas no geral, acho que elas foram boas. Fazendo assim um ranking (que acho meio difícil, pois são séries de temas diferentes), mas vamos lá: 1º Game of Thrones, 2º How I Met Your Mother, 3º The Big Bang Theory, 4º The Walking Dead e 5º The Mentalist (finalmente acharam o vilão)... bom a lista segue, mas vou me ater a um TOP FIVE. Decepções: Glee, The Vampire Diaries, The Originals e The Flash.

Bom, no geral eu gostei desse ano. Não foi o melhor, mas também não foi o pior. Foi legalzinho, aprendi coisas novas, mudei o modo de ver certas coisas e pessoas. Mas espero que 2015 seja melhor :D E se Deus quiser vai ser.

Não sei porque escrevi tanto, se ninguém vai ler mesmo. Mas se você chegou até aqui, deixa um comentário, diz se gostou ou não desse post, me conte como foi seu ano e tals. Valeu?

Pois é, Adeus Ano Velho.

Que venha 2015.

Um Feliz Ano Novo pra todos vocês com Jesus no coração.

Um abraço.




quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Escrever e Pensamentos dos últimos dias

As vezes eu penso que deveria me tornar um escritor. Gostaria de escrever um livro, ou começar por artigos para jornais, devoções e tal. Mas, quando penso em começar, fico com preguiça. Tipo agora, não sei nem porque to escrevendo, to com sono, com preguiça de escrever, mas to aqui.
Sempre gostei de escrever, esse é o diferencial. Apesar da preguiça, gosto de escrever pra me desestressar.
Bom, hoje vou escrever sobre algo que tem me incomodado muito nos últimos dias. É sobre a atitude de algumas pessoas que se dizem cristãs, mas esqueceram de amar o próximo e até mesmo o inimigo.

Escrevi isso aqui no Face a pouco, mas trago como reflexão:

QUEM VOCÊ PENSA QUE É???

Quando vejo alguns cristãos se achando por aí melhores que as outras pessoas me vem na cabeça esse texto de Romanos:
"Que se conclui? Temos nós qualquer vantagem? Não, de forma nenhuma; pois já temos demonstrado que todos, tanto judeus como gregos, estão debaixo do pecado; como está escrito: Não há justo, nem um sequer, não há quem entenda, não há quem busque a Deus; todos se extraviaram, à uma se fizeram inúteis; não há quem faça o bem, não há nem um sequer. A garganta deles é sepulcro aberto; com a língua, urdem engano, veneno de víbora está nos seus lábios, a boca, eles a têm cheia de maldição e de amargura; são os seus pés velozes para derramar sangue, nos seus caminhos, há destruição e miséria; desconheceram o caminho da paz. Não há temor de Deus diante de seus olhos. Ora, sabemos que tudo o que a lei diz, aos que vivem na lei o diz para que se cale toda boca, e todo o mundo seja culpável perante Deus, visto que ninguém será justificado diante dele por obras da lei, em razão de que pela lei vem o pleno conhecimento do pecado. Mas agora, sem lei, se manifestou a justiça de Deus testemunhada pela lei e pelos profetas; justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo, para todos e sobre todos os que creem; porque não há distinção, pois todos pecaram e carecem da glória de Deus, sendo justificados gratuitamente, por sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus, a quem Deus propôs, no seu sangue, como propiciação, mediante a fé, para manifestar a sua justiça, por ter Deus, na sua tolerância, deixado impunes os pecados anteriormente cometidos; tendo em vista a manifestação da sua justiça no tempo presente, para ele mesmo ser justo e o justificador daquele que tem fé em Jesus. Onde, pois, a jactância? Foi de todo excluída. Por que lei? Das obras? Não; pelo contrário, pela lei da fé. Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé, independentemente das obras da lei. É, porventura, Deus somente dos judeus? Não o é também dos gentios? Sim, também dos gentios, visto que Deus é um só, o qual justificará, por fé, o circunciso e, mediante a fé, o incircunciso. Anulamos, pois, a lei pela fé? Não, de maneira nenhuma! Antes, confirmamos a lei." (Romanos 3.9-21)

QUEM VOCÊ PENSA QUE É???

Eu sou apenas mais um pecador, que necessita da graça e do amor de Deus todos os dias. Obrigado Deus, por enviares Cristo, que morreu pelos meus pecados e de toda a humanidade. Amém.

sábado, 29 de novembro de 2014

El Chavo del 8!

Luto!
Ontem, dia 28 de novembro de 2014, morreu meu maior ídolo televiso Roberto Gómez Bolañoz, o Chespirito (pequeno Shakespeare).
Não preciso falar muito aqui sobre ele, pois todos o conhecemos muito bem. Mas ele influenciou gerações e continuará influenciando. Por mais que seus episódios sejam reprisados milhões de vezes iremos rir com as piadas. Atualmente é difícil ver comédia simples pura e fazer sucesso, sem precisar apelar para coisas sobre sexo e tal.
Se você que é realmente fã do Chaves não conseguirá ver esse vídeo abaixo sem chorar.

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Melosidades do namoro

Bom. Lá vou eu novamente escrever sobre este assunto aqui. Talvez algo que eu escreva nesta postagem seja contraditório com a postagem anterior. Mas não to nem aí, o blog é meu e escrevo o que quiser nele.

Ponto número 1: Sério, acho que sou o tipo de cara que não serve pra namorar. Não pq eu não ache que um dia vou achar a guria certa, namorar, casar e tal. Mas, pq hoje em dia, namorar virou uma melação que só. Tipo: "meu bebe" "meu mozão" "meu coração" e frases desse tipo, são coisas muito normais que eu vejo entro os casais hoje. E sério, acho que não me encaixo nesse tipo de relação.

Podem dizer: ahhh mas você não entende nada disso. Podem falar tudo isso. Só estou constatando que atualmente acho que não sirvo para isso.

Ponto número 2: A guria que quiser namorar comigo, tem que gostar pelo menos da maioria das coisas que eu gosto de fazer. Tipo: ler livro (mangá ou quadrinho também serve, ver desenho (anime) ver série, jogar vôlei, gostar de música, internet, ou seja tem que ser GEEK (se vc não sabe o que significa esse termo é pra isso que existe o tio Google) e por último, mas não menos importante,tem q ser cristã. ;) Não quero namorar com alguém que não tem nada haver comigo. Pode ser que um dia eu queime minha língua, e namore com alguém completamente diferente do que está escrito aqui. Mas acho isso meio difícil.

Ponto número 3: Só fiz esse ponto, porque queria continuar escrevendo, mas não sei nem o que postar, só queria escrever mesmo. E assim, prender sua atenção nesse blog ruim, que não tem conteúdo interessante algum. Mas já que você está aqui lendo e perdendo seu tempo e eu não sei como finalizar essa postagem, escreva qualquer coisa no comentário só pra eu saber se alguém leu até o final essa postagem de hoje. Um abraço.

domingo, 20 de abril de 2014

Ahhh o amor!!!

Quando diziam que o "amor" era algo complicado, eu pensava que as pessoas que diziam isso eram malucas. Eu sempre pensei assim: o "amor" é algo simples, ou você ama de verdade, ou não. Que doce ilusão essa minha.
Na realidade, o "amor" é, muitas vezes, complicado sim, e todos que dizem isso são malucos sim. Porque já endoidaram pra tentar responder a pergunta: Será que ela/ele realmente me ama? Será que eu to amando a fulana(o)?  E enquanto tentam responder pra si mesmos, começam a ficar malucos, malucos de paixão, malucos em busca da conquista do coração da pessoa amada. Aí enquanto tentam nessa tentativa desesperada de encontrar o par perfeito, acabam dizendo: "Éhhh, o amor é algo complicado." 
Na realidade ele é complicado porque não enxergamos com os olhos da razão, mas com o coração. Aí vem aquela outra famosa frase: "O amor é cego". Claro que é cego, desde quando o coração tem olhos. Os enamorados gostam de complicar aquilo que a princípio era pra ser simples, descomplicado. O amor é algo belo, simples. SIMPLES sim, mas não deixa de ser grande. 
O amor está nos pequenos gestos, numa rosa ou caixa de bombom. Numa inticada básica só pra encher o saco. As coisas simples são aquelas que nos cativam e fazem com que a gente solte aquele "Awnnnn *-*". A gente vê muito disso quando aparece em nossa página inicial do face aqueles vídeos de crianças falando sobre o amor. Elas não falam de algo complicado. Elas falam nos pequenos gestos do dia-a-dia. Tipo: "Amor é quando você sai para comer e oferece suas batatinhas fritas sem esperar que a outra pessoa ofereça as batatinhas dela." ou "Amor é como uma velhinha e um velhinho que ainda são muito amigos mesmo se conhecendo a muito tempo".
Porque complicamos aquilo que era pra simples? Não ame esperando que a pessoa devolva o amor. Simplesmente ame. Pegue uma flor de um jardim qualquer na volta do trabalho e entregue para sua amada. Lave ou enxugue a louça. Troque a fralda de seu filho. Diga um muito obrigado, nem que seja por qualquer coisa. Agradeça sempre. Seja gentil. Se preocupe com a "cara fechada". Converse. Dê um bommm diaaa, um boa noite, um dorme bem. O amor está nos pequenos gestos e são eles que fortalecem a relação.
Porque queremos sempre impressionar através de grandes gestos?  Uma joia caríssima, um perfume francês, um carro novo? Porque complicamos aquilo que é simples?
Conquiste todos os dias o coração da pessoa amada através de pequenos gestos como dividir a batata-frita. Se você quer fazer uma loucura pela pessoa amada, faça, mas lembre-se: o amor é simples. Por isso, AME, simplesmente AME.
Diego N.